29 Nov

Um novo medicamento que contém duas substâncias já utilizadas no tratamento do HIV foi aprovado nesta segunda-feira, 29, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Agora, a Lamivudina e o Dolutegravir Sódico estarão presentes em um único comprimido. 

A novidade, segundo a Anvisa, facilita ao paciente no tratamento, uma vez que reduz a quantidade de comprimidos e outros medicamentos a serem ingeridos contra o HIV. “A possibilidade de doses únicas simplifica o tratamento e a adesão de pacientes”, informou, por meio de nota.

De acordo com a bula aprovada pela Anvisa, o novo medicamento reduz a quantidade de HIV no organismo, mantendo-a em um nível considerado baixo. Além disso, o remédio promove o aumento da contagem de cédulas CD4, que exercem papel importante na manutenção de um sistema imune saudável, ajudando a combater infecções.

Indicação

O novo medicamento será indicado como um regime complemento para o tratamento da infecção pelo vírus da imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1) em adultos e adolescentes acima de 12 anos pesando pelo menos 40 quilos, sem histórico de tratamento antirretroviral prévio ou em substituição ao regime antirretroviral atual em pessoas com supressão virológica.

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil / Arquivo

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.