18 Aug
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) retirou, na quarta-feira, 17, a medida que obrigava a utilização de máscaras dentro de aeroportos e aeronaves no Brasil. A decisão em liberar partiu após indicadores apresentarem melhora no cenário epidemiológico.

Vigorando desde 2020, a medida foi uma das diversas utilizadas para impedir o avanço da covid-19. Em nota, a Anvisa informou ainda que a partir de agora, o uso é facultativo. "Diante do atual cenário, o uso de máscaras, adotado até então como medida de saúde coletiva, é convertido em medida de proteção individual”, afirma. 

Apesar da liberação, medidas de proteção como a disponibilização de álcool em gel, desembarque em fileiras, procedimentos de limpeza e desinfecção nos aviões e áreas de uso comum, bem como avisos sonoros com recomendações para o uso de máscaras, especialmente por pessoas vulneráveis devem seguir sendo realizados.

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.