01 Feb

A consulta ao valor do saldo do abono salarial (PIS/Pasep) já pode ser realizada através dos aplicativos Caixa Trabalhador e Caixa Tem. Os dados foram liberados nesta terça-feira, 1º de fevereiro. Neste primeiro momento, somente os trabalhadores nascidos de janeiro a junho poderão realizar a consulta e verificar se possuem algum valor disponível para saque. Moradores dos municípios dos estados da Bahia e Minas Gerais, afetados pelas chuvas também já poderão consultaras informações.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, os pagamentos começam na terça-feira, 8 de fevereiro, para trabalhadores da iniciativa privada que recebem o PIS e em 15 de fevereiro para servidores públicos que tem direito ao Pasep.

Têm direito a receber o abono salarial este ano, cerca de 23 milhões de trabalhadores. Desse total, cerca de 22 milhões são referentes ao PIS e um milhão ao Pasep. O valor total pago é de R$ 21,82 bilhões.

Podem receber o valor, trabalhadores inscritos no programa PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, que tenham recebido, em média, até dois salários mínimos de remuneração mensal e ter trabalhado, por pelo menos, 30 dias no ano-base considerado para o pagamento.

Não têm direito ao abono, mesmo estando enquadrado nos requisitos, empregados domésticos, trabalhadores rurais e urbanos empregados por pessoa física e trabalhadores empregados por pessoa física equiparada a jurídica.

O valor do abono salarial pode chegar ao valor de até um salário mínimo, de acordo com a quantidade de meses trabalhados. Só recebe o valor total quem trabalhou os 12 meses do ano anterior.

Com o aumento do salário mínimo em 1º de janeiro, o valor do abono salarial passa a variar de R$ 101 a R$ 1.212, de acordo com a quantidade de meses trabalhados. Só receberá o valor máximo quem trabalhou os 12 meses de 2020.

 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.