08 Sep

Após criticar e extinguir a medida em 2019, o governo federal estuda o retorno do Horário de Verão. Para isso, um estudo foi encomendado pelo Ministério de Minas e Energia e o Palácio do Planalto. A medida, que era utilizada há décadas para economizar energia elétrica, foi extinguida pelo presidente Jair Bolsonaro.

Naquela época, a equipe do governo entendeu que a hora extra não cumpria mais a missão, do ponto de vista do setor elétrico. A partir dessa avaliação, Bolsonaro decretou o fim. 

A discussão  voltou ao radar porque o Ministério de Minas e Energia pediu ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) estudos sobre a política, depois de mudanças na forma como os brasileiros consomem energia elétrica.

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.