15 Jun

O número de vítimas fatais provocadas pela dengue no Brasil em 2022 já ultrapassou a marca de 500. Os dados foram divulgados no boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, com base nos dados de 1º de janeiro a 4 de junho. No total, 504 óbitos foram registrados nesse intervalo de tempo. 

Entre os estados com maior número de mortes está São Paulo, com 180 registros. Santa Catarina vem em segundo, com 60 e o Rio Grande do Sul em terceiro, com 49 registros. Em seguida, Goiás (44) e Paraná (43).

No Rio Grande do Sul, o número de mortes segue em elevação. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), há pelo menos, 364 registros que seguem em investigação. 

Sintomas

Dengue, zika e chikungunya são doenças transmitidas pelo mesmo mosquito e seus sintomas são semelhantes: em geral, elas provocam febre, dor de cabeça e manchas vermelhas pelo corpo. Mas alguns poucos sintomas as diferenciam. No caso da dengue, costuma haver uma dor atrás dos olhos. Já a chikungunya pode provocar dor e inchaço nas articulações. A zika, por sua vez, pode causar febre baixa e vermelhidão nos olhos.

Para combater o mosquito transmissor dessas três doenças, as pessoas devem manter os ambientes e recipientes limpos e sem acúmulo de água, que favorecem a sua proliferação. As principais medidas de prevenção são: deixar a caixa d’água bem fechada e realizar a limpeza regularmente; retirar dos quintais objetos que acumulam água; cuidar do lixo, mantendo materiais para reciclagem em saco fechado e em local coberto; e eliminar pratos de vaso de planta ou usar um pratinho que seja mais bem ajustado ao vaso. 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.