23 Jun

O trabalho de restauração do trecho asfáltico até a ponte Brochado da Rocha, que liga os municípios de Muçum e Roca Sales deve iniciar nos próximos dias, conforme informou a prefeitura de Muçum. As obras de recapeamento são oriundas de recursos estaduais destinados ao projeto turístico "Pelos Caminhos do Pão e do Vinho". Conforme a administração municipal, o processo licitatório já foi encerrado e a empresa vencedora, Construtora Centro Norte, será a responsável pela obra. 

A iniciativa refere-se ao projeto Pelos Caminhos do Pão e do Vinho, que contempla os municípios de Muçum, Santa Tereza e Roca Sales. É o princípio de um objetivo que pretende a ligação asfáltica entre o Vale do Taquari e a Serra Gaúcha. Com início no município de Santa Tereza, são pavimentados 6,1 quilômetros, com investimento de R$ 10,9 milhões, inclusos no em um plano de obras anunciado pelo Governo do Estado em junho deste ano. 

Desses R$ 10,9 milhões, R$ 9,8 milhões são provenientes do governo estadual, e R$ 1,1 milhão serão investidos pelas prefeituras. Muçum investirá mais de R$ 280 mil. O trecho tem causado aversão de populares, em decorrência do número excessivo de buracos e as más condições do asfalto antigo, no principal acesso à cidade. 

O prefeito, Mateus Trojan, reconhece a precariedade, e explica que a obra passou por intempéries durante o procedimento de licitação da obra. “Tínhamos a expectativa que o trecho de Muçum fosse o primeiro a ficar concluído nesta fase inicial do Pelos Caminhos do Pão e do Vinho. Porém a primeira licitação não teve empresas habilitadas, e precisamos reabrir o processo e aumentar a contrapartida do município. Agora, estamos prestes a atender a demanda, com um grande investimento e para resolver definitivamente o problema”, diz.

Foto: Luis Gustavo Betinelli

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.