15 Jan
15Jan

Os Correios anunciaram, na sexta-feira, 14, que, pelo segundo ano consecutivo, os preços para envio de encomendas nacionais e internacionais não irão sofrer aumento. A medida é válida para serviços como Sedex e PAC, além da importação e exportação.

Outra novidade é que a partir de 31 de janeiro, os valores cobrados em 420 cidades brasileiras serão reduzidos. De acordo com a estatal, as medidas ocorrem em meio a um processo de modernização iniciado em 2019, que trouxe a ampliação da capacidade operacional e a renovação do portfólio de produtos.

Em 2021, os Correios registraram um aumento de 40% no volume de encomendas em relação ao ano anterior. Na análise da estatal, o número é decorrente das mudanças no comportamento do consumidor, ocasionadas pela pandemia de Covid-19, que restringiu a circulação de pessoas e afetou o comércio convencional.

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.