02 Feb

Após inúmeras reclamações de moradores e empreendedores locais, a prefeitura de Imigrante deve ajuizar uma ação civil pública contra a RGE, empresa fornecedora de energia elétrica no município. A medida é decorrente das constantes quedas de luz registradas nos últimos meses na cidade. Em alguns bairros do município, em um único dia houve quatro interrupções de energia. 

Agora, a prefeitura segue em contato com moradores para a coleta dos protocolos feitos junto à RGE para dar continuidade a ação. Em entrevista à Rádio A Hora de Lajeado, o prefeito municipal Germano Stevens disse que, apesar das inúmeras reuniões realizadas com a diretoria da empresa, a situação continua prejudicando a população. Em um dos casos, uma empresa de calçados chegou a alugar um gerador para seguir trabalhando. “Temos várias localidades que enfrentam problemas com a falta constante de energia. São produtores de leite, frango, suínos, e também os munícipes da área urbana. Todos, no final do mês, pagam suas contas, mas não recebem o serviço contratado, de forma decente”, declara.

Segundo o prefeito, a medida ocorre após a falta de comprometimento da RGE, que está ciente da situação e não aponta alternativas para solucionar o problema. "Vamos questionar e brigar na Justiça. De forma amigável, já percebemos que não resolve. É uma vergonha a maneira como lidam com os municípios. Em pleno 2022 não se pode imaginar que tenhamos esse descaso em relação aos usuários”, critica Stevens.

Foto: Deivid Rafael Tirp  

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.